Sem sono

Fechar… abrir… fechar…. abrir…
nem sabe porquê, não quer saber porquê…

delira… grita…
o som sai mudo, não há nada a dizer…

rebola… esperneia… pontapeia…
não acerta em nada, não acerta nada…

pensa… repensa… contra-pensa…
mas não sai ideia, não faz ideia…

parou.

ZD

2 Respostas to “Sem sono”

  1. Marta Says:

    “delira… grita…
    o som sai mudo, não há nada a dizer… ” – há sempre o que dizer, e qd o som sai mudo, se nos concentrarmos na busca, encontramos o volume. Não é preciso levantar muito, apenas o suficiente para ser audível!

    Mais logo, tlv encontres, “encontrem”, uma forma de dar voz a essa insónia!

    Não tivesse eu obrigada à partida a não gostar deste post e diria que gostava das palavras atiradas na noite!

    amt

  2. fontez Says:

    interessante post…
    mas esquisito…
    o verdadeiro cdesag está a ir com o caneco…pois só tem um alvo…
    a sua linda amada…
    as dedicatórias sao plausiveis…
    lol
    e assim mesmo…😉
    abraço migaço…
    e traz de volta as “carraças”…e suas aventuras…juntamente com os esquilos famosos…🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: